O que é o Cross docking e quando aplicar no seu e-commerce

o que é o cross docking e quando aplicar no seu e-commerce

Sabemos que atualmente, o mercado de e-commerce encontra-se em grande expansão e com a consequência de cada vez mais competições nas vendas e um consumidor com mais opções para escolher, com mais acesso à informação e mais exigente, tornam-se necessárias medidas diferenciais, como o cross docking, que possam favorecer o seu negócio e fazê-lo se destacar nesse meio.

O que é cross docking e como funciona? Vou discorrer um pouco deste assunto a seguir.

O que é o cross docking e como ele funciona?

O cross docking surgiu como uma solução de gestão de estoque que é econômica e ágil, não compromete a qualidade do serviço a fim de facilitar a vida do lojista que, muitas vezes não tem espaço de armazenamento, dificuldade de organização em sincronia com a demanda, enfim, todos os problemas com estoque que você possa enfrentar.

Enfim, cross docking é uma estratégia que envia o produto assim que ele é comprado em seu site para um centro de distribuição ou mesmo um depósito, um armazém que, envia o produto direto para o cliente através de um sistema de redistribuição organizado.

Isso vai facilitar a entrega do produto ao seu cliente e você não vai precisar investir em um espaço físico de estoque. Porém, você vai precisar sincronizar ações muito cuidadosamente e ter certeza que a encomenda chegará ilesa e no prazo estipulado ao cliente.

Cross docking, em inglês, significa “cruzando as docas”, o que remete ao sistema dos navios que trazem mercadorias que são descarregadas em galpões e transportadas por esteiras já automatizadas e configuradas para os devidos caminhões organizados.  

Quais os principais tipos de Cross Docking?

Os tipos mais comuns de cross docking podem ser divididos em três, seriam eles: 

  • Movimentação contínua: acontece quando as mercadorias que assim que recebidas pelo fornecedor, já são despachadas o mais rápido possível. Considera-se a forma tradicional de cross docking, que tem como objetivo evitar o acúmulo de itens em estoque.
  • Movimentação consolidada ou híbrida: nesse caso, os produtos são recebidos e separados. Parte deles pode ser destinada ao cliente final e outra parte pode ser direcionada ao estoque para combinação com outros produtos que formarão pedidos completos. Normalmente espera-se que cheguem todas as partes do pedido, que podem chegar separadas para que se formem conjuntos completos a fim de realizar a entrega.
  • Movimento de distribuição: os produtos são recebidos e separados para distribuição em cargas FTL (full truck load) para os clientes. Geralmente utilizada para o setor B2B (business to business, ou de empresa para empresa). Às vezes um único cliente (empresa) tem pedidos com a capacidade de encher um único veículo, então separa-se desta maneira.

Benefícios de utilizar o cross docking?

O Cross Docking poderá agilizar suas entregas e reduzir custos em operação. Veja abaixo os principais benefícios.

Redução de gastos com estoque.

Como você não vai mais precisar de um espaço físico para armazenamento dos itens, seus custos com a logística vão ser reduzidos. Você vai conseguir que tudo flua de maneira mais rápida, diminuindo esse tipo de despesa.

Agilidade na hora da entrega

O centro de distribuição do cross docking tem a função de ser eficiente. Ele recebe a mercadoria, a confere e a prepara, logo a reenvia rapidamente para o cliente. É feito um controle de qualidade nesta etapa para evitar o máximo possível de erros ou defeitos nos produtos quando forem entregues ao consumidor final. 

Aproveitamento maior dos veículos de entrega

Aqui também entra uma redução de custo e melhora na lucratividade até da transportadora, afinal, os veículos fazem um melhor aproveitamento do espaço útil para atender cada localidade. Esse benefício está diretamente relacionado ao fator de cubagem. Veja no artigo “como realizar cotações de frete” o que é o fator de cubagem e peso cubado.

Não se preocupar mais com a estocagem

Já entendemos que a implementação de cross docking na sua empresa beneficia a redução de gastos com estoque, facilitando assim a gestão de frete. Só o fato de você não precisar se preocupar com as mercadorias, pois elas apenas permanecerão no centro de distribuição por um tempo mínimo, que é usado para separação, preparação dos lotes para cada rota e envio, você já conta com uma grande vantagem.

Como implementar o cross docking no e-commerce?

Implementar o cross docking precisa ter como regra principal o cumprimento dos prazos acordados com os destinatários. Para que a estratégia funcione, é preciso que as ações planejadas sejam executadas em sincronia. Assim, é importante considerar:

  • Planejamento da operação logística;
  • Treinamento dos operadores;
  • Relacionamento com os fornecedores e transportadoras;
  • Possuir um parceiro para gestão dos seus transportes.

Apesar do cross docking não ser uma solução milionária, onde você poderá confiar toda operação do seu e-commerce, é possível utilizá-la em sua operação e testar produtos para venda, onde você anuncia vários produtos que ainda não possui em estoque e após validá-los, pode de fato, realizar a compra e armazená-lo em seu estoque.

Outros links úteis:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Frete Rápido utiliza cookies para melhorar sua experiência. Ao usar o site você concorda com nossa Política de Privacidade.