Princípios Básicos e influenciadores na logística do e-commerce

Princípios básicos do e-commerce e Influenciadores na logística no e-commerce

Continuando o estudo “Como estruturar a logística como diferencial no e-commerce”.

O e-commerce tem quatro princípios básicos e de forma abrangente eles que garantem que o produto saia de uma ponta a outra da cadeia de consumo.

diferencial competitivo com nivel de serviço logístico para a black friday

1º Princípio: processo

É fundamental que os processos estejam bem desenhados e estabelecidos e principalmente, que seja visível para todos que compõem o time. Ele irá permear todas as etapas a seguir.

2º Princípio: compra

É onde são adquiridos os produtos, seja para revenda ou matéria prima para confecção do produto final.

3º Princípio: venda

Todo processo a partir da atração do consumidor até análise, comparativo de mercado e conclusão da compra. A partir daí é realizado todo processo de backoffice para que seja enviado realmente o que fora comprado.

4º Princípio: entrega

É onde acontece a etapa mais palpável da compra online, onde há o contato de sua loja (através da pessoa que realiza as entregas) com seu consumidor. Ela é onde se consuma a boa experiência de compra ou não, onde sua reputação é consolidada, tanto como boa loja como uma do tipo “o produto é bom mas a entrega é ruim”. Sim, a entrega, mesmo que não feita diretamente por você, é atrelada ao seu e-commerce, pois seus parceiros e fornecedores são escolhidos por você.

Backoffice

O Backoffice, também chamado de processo atrás do balcão, contempla todo processo que faz com que o que foi comprado pelo consumidor seja separado e enviado corretamente, que suas dúvidas sejam sanadas, bem como todos os processos como o recebimento de mercadorias, cadastro de produtos, fotos e descrições.

Esse processo impacta diretamente na imagem que o público tem de sua empresa, a demora no picking e packing, ou a separação errônea dos pedidos ou qualquer outro problema irá influenciar na entrega do serviço e do produto.

Influenciadores na logística no e-commerce

Persona e produtos

É fundamental definir a persona do seu negócio, seu cliente ideal e através dele descobrir que produtos vender, quais as suas necessidades, localização, frequência de compra, faixa etária. 

A partir daí, você terá seu mix de produtos, onde é importante definir as especificidades com relação a armazenagem, perecibilidade e padronização.

Para vender, é preciso entregar, a partir dessas especificações, você definirá as transportadoras para realizar as entregas do seus produtos.

Códigos

Outro ponto importante é a identificação dos produtos, ela pode ser feita apenas internamente, ou seja, com códigos criados dentro da empresa, ou podem ser utilizados os códigos de barra padrões já enviados nas embalagens, bem como os SKUs.

Um ponto interessante de se utilizar os códigos padrões é a possibilidade de sua loja, seu anúncio ser encontrado no google com aquele código padrão. Sem mencionar que, muitos marketplaces solicitam os SKUs nos anúncios para melhorar a procura nos mecanismos de busca.

Endereçamento

Este, serve para agilizar o processo de picking, onde se nomeia as ruas, blocos e prateleiras do estoque para que à medida que os produtos forem cadastrados, já são guardados e seus devidos endereços já especificados. É um processo relativamente simples de se fazer que o resultado é expressivamente positivo na otimização de tempo.

Embalagem

A embalagem do produto precisa ser escolhida com cuidado, por alguns motivos.

Elas podem alterar as dimensões das encomendas e isso pode influenciar diretamente no valor do frete. É um problema muito sério, pois no carrinho de compras você estará recebendo X em fretes e na hora de pagar a fatura, estará pagando Y. Em suma, custo adicional sem que você perceba, onde sua margem de lucro é consumida.

Ao receber o produto, o cliente estará com expectativa, uma embalagem segura e bonita, além de proteger o produto até ser entregue, agrega valor à sua marca.

diferencial competitivo com nivel de serviço logístico para a black friday

Artigos do estudo “Como estruturar a logística como diferencial no e-commerce”:

Apresentação 

1 Princípios básicos do e-commerce e Influenciadores na logística no e-commerce (você está aqui)

2 Como contratar uma transportadora/Com quantas transportadoras trabalhar

3 Transportadoras ou Correios?

4 Função Gateway de Fretes

5 Consolidação de volumes

6 Módulo Offline dos Correios

7 Importância do rastreio

8 Auditoria de fatura de frete

Líder de marketing e autor no blog da Frete Rápido, especialista em e-commerce e pós-graduado em marketing estratégico digital. A Frete Rápido é o primeiro HUB de transporte digital da América Latina, conecta embarcadores, empresas B2B, B2C e D2C, como indústria e-commerce e varejo, a transportadoras para que façam negócio entre si. Além disso, automatiza os processos da Pré-venda, Pós-venda, Gestão e Tracking.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Frete Rápido utiliza cookies para melhorar sua experiência. Ao usar o site você concorda com nossa Política de Privacidade.